fbpx

Palavra do Pastor – Shalom 30 anos

30 anos de existência é fruto da perseverança de pessoas que acreditaram e continuam acreditando numa sociedade onde a justiça governa e o bem prevalece.

 

A vitória só tem um segredo: a perseverança! Não existe vitória sem perseverança, como também não existe perseverante que não obtenha a vitória. E, como ninguém é autossuficiente, não existe no mundo uma só conquista pessoal. Ninguém nasce grande, adulto; todos nascem bebês, exatamente para que ninguém, jamais, tenha a presunção de dizer que chegou sozinho a algum lugar.

Assim começou o Colégio Shalom há 30 anos, pequeno, tímido, discreto, mas gerado pelo amor que Deus colocou no coração de algumas pessoas. E, como qualquer criança em sua trajetória de crescimento, ficou enfermo em muitos momentos, sofreu acidentes e, por várias vezes, quase morreu! Mas, pela graça de Deus, ele sobreviveu e cresceu, amadureceu, e ficou forte…

30 anos de existência é fruto da perseverança de um número incontável de pessoas que, ao longo desses anos, acreditaram e continuam acreditando numa sociedade onde a justiça governa e o bem prevalece. Sim, porque elas acreditam que esse padrão de sociedade só se torna possível alicerçado em bases sólidas, que são os princípios estabelecidos pelo Criador.

A visão do Colégio Shalom é Formar para Transformar. Formar é dar forma a algo informe, que não tem forma, que tenha uma forma aleatória ou mesmo indesejável. Portanto, a proposta da educação por princípios não é formar com a forma que todos formam, num padrão pré-estabelecido pelo sistema de um mundo relativizado e decadente, mas fazer exatamente o contrário, dar uma forma diferente, distinta daquilo que o sistema educacional humanista fabrica!

Ainda assim, nosso objetivo é ir além de formar, é transformar. O meio é formar, o fim é transformar, e esse é o nosso grande desafio! Como poderemos transformar se estivermos moldados com a mesma forma do ambiente que queremos transformar? Aí está o maior desafio da educação por princípios: estar pronto a pagar o preço, sentir a dor de se deixar moldar numa forma distinta, ter a coragem de ser diferente, sofrer a crítica, a rejeição e até mesmo o preconceito por ser diferente; e depois disso ainda estar disposto a influenciar para fazer diferença.

Nosso Brasil está mais do que necessitado de uma geração que assim acredita. Nada vai mudar esse cenário cruel e revoltante que observamos em todos os níveis da sociedade sem trabalhar nas bases. Só a educação, não esta proposta pelo mesmo sistema corrompido, mas sim a verdadeira educação que trata o espírito, a alma e o corpo, é que pode nos dar esperança para para um futuro melhor.

O Colégio Shalom não é um colégio evangélico, como alguns pensam. Também não é um colégio particular que só alguns poucos privilegiados podem ter acesso; mas é uma associação sem fins lucrativos que serve à comunidade desta cidade, propondo uma educação de qualidade alicerçada nos princípios da palavra de Deus. Assim como Deus não é evangélico, mas é Deus de todos e para todos, também o Shalom é um lugar para todos, todos os que acreditam nessa proposta pedagógica e sonham com uma cidade melhor e um Brasil melhor.

Por ser uma associação sem fins lucrativos, o Shalom não existiria se centenas e milhares de pessoas até hoje não tivessem doado milhões para a construção e manutenção constante das suas estruturas físicas, reformas periódicas e ampliações, aquisição de móveis, utensílios e equipamentos, e até mesmo para pagamento das contas de água e luz. É graças a uma comunidade que vive o compromisso do amor de Cristo, ou seja, pensa primeiro nos outros, depois em si mesma, que tudo isso se torna possível. Shalom é um dos maiores sinais de que ainda existe a verdadeira Igreja; não a institucional, mas o organismo vivo, o movimento do Cristo, que ensinou a amar por meio do serviço a ponto de dar a vida pelos outros se preciso for.

Mas a corrida não acabou, ela continua. A linha de chegada está na eternidade. Que conquista é essa, a implantação do ensino médio! Que sonho realizado foi esse, a construção do último andar e a reforma de todo o prédio! De onde vem tudo isso? De onde vem a motivação para continuarmos? Os recursos financeiros? A energia para trabalharmos tão arduamente, mesmo sabendo que poderíamos estar fazendo outra coisa que nos exigiria menos esforço e até retorno financeiro? É a convicção, a clara certeza de que fomos chamados para uma missão, e que esta é a nossa missão. É a fé nAquele que chama, e a certeza de que Ele dá sempre, prontamente e de bom grado, tudo que precisamos para realizar aquilo que Ele mesmo idealizou!

A todos os que, como colaboradores, um dia já serviram nesta instituição, muito obrigado. Àqueles que hoje se dedicam na gestão (diretoria administrativa, pedagógica, coordenação), parabéns pelo empenho e eficiência; a toda equipe docente, fica a admiração e o profundo respeito pela renúncia e pela fé em acreditar na educação como vocação, e não como simples profissão; e a todos os que aqui trabalham e se esforçam dando tudo de si para servir com excelência, parabéns pelos trinta anos de conquistas e de tantas realizações!

Enquanto houver fôlego de vida, vamos prosseguir!

“Olhem bem para meu servo. Estou dando a ele pleno apoio. Ele é meu escolhido, e eu lhe dei do meu Espírito, da minha vida. Ele estabelecerá a justiça entre as nações. Não chamará atenção para o que faz com discursos espalhafatosos ou desfiles pomposos. Ele não vai menosprezar os oprimidos nem os fracos, nem fazer pouco caso do cidadão comum, mas, com firmeza e constância, estabelecerá a justiça. Ele não vai fraquejar nem desistir. Não será impedido até que termine sua obra – trazer justiça a terra.” (Isaías 42:1-4).

Uma revolução silenciosa foi deflagrada. É a revolução do amor, e ela não vai parar!

Pr. Edson Mesquita – Pastor da Primeira Igreja Batista em Blumenau (Mantenedora do Colégio Shalom)

Intenção de Matrícula

Intenção de Matrícula