Educação por Princípios – História

A primeira escola por princípios no Brasil foi o Colégio Cristão de Belo Horizonte. Atualmente, as escolas por princípios de vários estados do país estão vinculadas à AECEP – Associação de Escolas Cristãs de Educação Por Princípios – da qual, o Colégio Shalom também faz parte. A AECEP dá todo apoio e orientação às escolas vinculadas, de modo que se ministre um ensino de qualidade. A Abordagem Educacional por Princípios é, portanto, um ensino consolidado e fundamentado que oferece uma formação integral, preocupando-se não somente com o conhecimento acadêmico, mas com a formação de caráter de seus alunos.

Os primeiros conceitos se encontram no documento História Cristã da Constituição dos EUA (1960), de Verna Hall. Em 1965, Rosalie Slater publicou Ensinando e Aprendendo a História Cristã Americana (T&L), em que enfatiza a importância do estudo bíblico na escola, segundo o Principle Approach (Principal Conteúdo). Após a criação da F.A.C.E – Fundação para a Educação Cristã Americana – a Abordagem Educacional por Princípios cresceu e se difundiu. Atualmente, um dos estudiosos mais aplicados é Paul Jehle, que foi instrutor de Cida Mattar, responsável pela introdução do sistema de ensino por princípios no Brasil, em 1988.